Estado

Secretaria de Indústria e Comércio coloca em prática as diretrizes do Compliance Público

Governador anunciou que Estado gerou mais de 2,7 mil postos de trabalho enquanto, no geral, o Brasil perdeu 43 mil vagas

Com a publicação da portaria de nº 022 e 023/2019, a Secretaria de Estado de Indústria, Comércio e Serviços de Goiás (SIC) deu início, de fato, ao trabalho de gestão de riscos, que está previsto nas diretrizes do Compliance Público. Com a consultoria da Controladoria Geral do Estado, foi criado um comitê, composto por servidores da pasta, que tem atuado em conjunto ao comitê central para cumprir o cronograma de ação previsto pelo programa.

A SIC é uma das 17 secretarias que assinaram o termo de cumprimento das normas do Compliance Público. Todas já estão trabalhando na identificação da maturidade das pastas, para dar continuidade as ações que preveem, nesse primeiro momento, atuar de forma mais contundente nas áreas de gestão de pessoas, licitações e contratos.

Assim como a maioria dos órgãos da administração direta e indireta a Secretaria de indústria, Comércio e Serviços aderiu ao programa junto a Controladoria-Geral do Estado por meio da assinatura do termo de compromisso pelo secretário da pasta Wilder Morais.

Um dos pontos altos do programa, é a mudança cultural da instituição quanto ao planejamento estratégico e o gerenciamento de riscos coorporativos como forma de prevenção, para evitar que os problemas aconteçam, não para remediá-los, o que traz segurança na gestão

O titular da SIC Wilder Morais, ressalta que a implementação do Compliance na secretaria é uma forma sólida e eficaz de sinalizar ao mercado sobre as boas práticas do governo, dando segurança para quem quer investir em Goiás.

Compliance Público em Goiás

O Compliance Público é um programa do poder executivo que foi lançado pelo governador Ronaldo Caiado em fevereiro desse ano, com o objetivo de assegurar a conformidade dos atos de gestão com padrões morais e legais, bem como garantir o alcance dos resultados das políticas públicas e a satisfação dos cidadãos.

O Programa se fundamenta em quatro eixos principais, que são a ética, a transparência, a responsabilização e a gestão de riscos, de modo a evitar, detectar e tratar eventuais desvios, e garantir a boa execução das políticas públicas. Trata-se, portanto, de adotar medidas que assegurem cuidado maior com o erário, respeitando o dinheiro dos contribuintes goianos e melhorando a gestão.

Related Articles