Goiânia

Projeto Horta Escolar retoma atividades do segundo semestre

Objetivo da iniciativa é promover o plantio de hortaliças e estimular a alimentação saudável por meio das oficinas realizadas em escolas e Cmeis. São 250 instituições de ensino cadastradas

O Projeto Horta Escolar, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME), inicia as ações do segundo semestre de 2019 com 250 instituições cadastradas para este ano e 26 oficinas confirmadas somente para agosto. O objetivo da ação é estimular o consumo de alimentos naturais pela comunidade escolar, além da troca de conhecimentos e influência nas escolhas alimentares.

A equipe do projeto trabalha para manter a média de 85 mil alunos atendidos, com idade de seis meses a 15 anos. O atendimento é feito em escolas, centros municipais de Educação Infantil (Cmei) e instituições conveniadas ao município. Para se ter uma ideia do tamanho da contribuição, o programa distribui cerca de mil mudas de hortaliças mensalmente.

A Escola Municipal José Carlos Pimenta foi uma das primeiras unidades atendidas neste mês. A equipe do programa chegou à instituição com mudas diversas de hortaliças, envolvendo 28 alunos e quatro servidores na oficina. Rosilene Lúcia da Silva, diretora da unidade, enxerga a iniciativa com bons olhos, inclusive diante da própria comunidade que a escola atende. Segundo ela, “temos muitas famílias que trabalham com hortas e grande interesse por parte das crianças”.

Importância do Projeto

De forma lúdica, alunos e professores são imersos no ato de plantar, em meio a palestras e músicas educativas sobre o tema, tendo como foco o consumo de legumes e hortaliças orgânicos.

Nestor Valverde, coordenador do projeto, sempre destaca o papel de referência que Goiânia representa ao implantar o trabalho da horta em suas instituições. Tanto que, no ano passado, o Programa de Alimentação Escolar estimulou a visita de representantes do Governo da Guatemala, no intuito de apresentar a forma de execução do programa nas instituições da Rede.

Um dos anseios de Nestor Valverde, no ano passado, foi ampliar as atividades do Projeto Horta, o que foi atingido com sucesso. Somente em agosto, foram cadastradas 26 oficinas. Além disso, no primeiro semestre, equipes do Horta Escolar estiveram presentes no estande da SME nos mutirões da Prefeitura, atendendo a média de 2 mil pessoas a cada edição.

Related Articles