Aparecida de Goiânia

Projeto em parceria com o Crer entrega 132 próteses a pacientes do município

Como resultado da parceria entre a Prefeitura de Aparecida e a Secretaria de Estado da Saúde, teve início na manhã da terça-feira (30) a etapa local do projeto Oficina Ortopédica Itinerante, que entregará até a próxima sexta-feira (3) 279 órteses e próteses (OP) às pessoas com deficiência do município. A ação acontece na UBS Expansul, onde uma equipe de ortopedistas e fisioterapeutas atenderá todas as pessoas agendadas que foram previamente selecionadas para participar do programa. A parceria, articulada pelo prefeito Gustavo Mendanha, oferece dispositivos assistidos totalmente adaptados ao ambiente físico e social dos usuários da rede municipal do Sistema Único de Saúde (SUS) do município.

A oficina é instalada em uma carreta, que durante todo o ano, percorre por todas as regiões do Estado oferecendo os serviços de reabilitação. A cidade é sede da Regional Centro-Sul do Estado de Goiás. Por isso 116 pacientes locais receberão próteses e órteses do programa. O secretário de Saúde de Aparecida, Alessandro Magalhães, explica que a equipe veio ao município em janeiro para realizar a avaliação de todos os pacientes previamente indicados pelos médicos da rede municipal para a receber as próteses. “Foram selecionados todos aqueles que realmente tinham necessidade do atendimento. Após esta avaliação inicial a equipe entrou em contato com cada um dos selecionados e agendou data e horário da consulta nestes três dias de atendimento” – conclui.

Parte dos profissionais trabalhará nos próprios consultórios da Unidade Básica de Saúde realizando consultas com os pacientes e os demais atenderão no próprio caminhão, estacionado na porta da unidade. Segundo os coordenadores do projeto, a unidade itinerante tem o objetivo de ampliar o aceso e qualificar o atendimento às pessoas com deficiência em todo o Estado de Goiás. Além disso, a Oficina Ortopédica Itinerante também tem como missão garantir um atendimento humanizado que possa proporcionar ou ampliar as habilidades funcionais das pessoas com deficiência, promovendo inclusão e acessibilidade.

Related Articles