Polícia

Homem que tentou matar ex de três formas diferentes, em Senador Canedo, é indiciado

O homem tentou matar a ex-mulher a tiros, esfaqueada e esganada, não obtendo êxito, felizmente, em nenhuma das vezes.

Depois de ser preso preventivamente, um homem acusado de tentar matar a ex-companheira por duas vezes e de três diferentes formas, em Senador Canedo, foi indiciado por tentativa de homicídio com as qualificadoras do feminicídio. O homem tentou matar a ex a tiros, esfaqueada e esganada, não obtendo êxito, felizmente, em nenhuma das vezes.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Matheus Gomes, da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) de Senador Canedo, Daniel Marques da Silva, de 29 anos, e a mulher eram moradores do município de Cristalina, e mantiveram união estável por mais de 13 anos, tendo cinco filhos. Entretanto, cansada da rotina de agressões a que era submetida, a mulher decidiu pôr fim ao relacionamento e fugiu para Senador Canedo em novembro do ano passado.

No mesmo mês, no dia 18/11, Daniel, contando com a ajuda do irmão que lhe emprestou um revólver, foi atrás da ex-mulher em Senador Canedo com a intenção de matá-la. Dizendo para a vítima que queria apenas conversar, o homem conseguiu ficar a sós com ela, sacou a arma e tentou matá-la. Entretanto, a arma falhou. Diante disso, ele sacou uma faca que trazia e golpeou a ex-mulher várias vezes, fugindo em seguida.

Apenas um mês depois, no dia 25/12, Daniel voltou a procurar a vítima – que, felizmente, sobreviveu às facadas. Ele descobriu seu novo endereço e armou uma emboscada, tentando matar a ex-companheira e seu novo namorado, mas errou todos os tiros disparados. O homem não desistiu. Daniel conseguiu alcançar a mulher, imobilizando-a e tentando matá-la esganada. Ele, então, sacou novamente a arma e disparou um tiro a curta distância, mas errou e acabou acertando a própria mão, fugindo na sequência.

Nesta segunda tentativa, Daniel contou com a coautoria de outro irmão, que esteve junto na empreitada homicida e forneceu a arma.

Irmãos de homem que tentou matar ex em Senador Canedo estão foragidos

Conforme o delegado, após inúmeras diligências e por meio de representação feita ao Poder Judiciário, a Polícia Civil conseguiu prender preventivamente Daniel Marques no dia 1/4. Os dois irmãos dele encontram-se foragidos, entretanto, foram indiciados no inquérito policial concluído no dia de ontem (8/5). De acordo com a investigação, a motivação do crime foi o fato de a vítima não querer mais se relacionar com o criminoso bem como o fato de que teria sido traído.

Os três autores foram indiciados por tentativa de homicídio com as qualificadoras do feminicídio e recurso que dificultou a defesa da vítima.

Related Articles