Aparecida de Goiânia

Estudantes de Aparecida se preparam para o Enem 2019

O projeto Juventude Enem é gratuito e aborda em aulões e aulas temáticas, as disciplinas e temas que podem ser abordados na prova nacional

Alunos da rede pública de Aparecida de Goiânia participaram de uma aula temática preparatória para o Exame Nacional do Ensino Médio. A aula faz parte do projeto Juventude Enem promovido pela Secretaria Executiva de Juventude de Aparecida de Goiânia, e foi realizada neste sábado (21) no CEU das Artes Orlando Alves Carneiro no setor Cidade Vera Cruz.

Segundo o secretário executivo de Juventude, Hanleryo Arantes, as aulas são ministradas por professores renomados em Goiás. “Essa é uma aula com várias disciplinas juntas e hoje os temas são a chegada do homem à lua que completa 50 anos neste sábado, a Guerra Fria e Tecnologia Associadas. Nesse contexto a gente aborda física e geografia”, comentou ele.

Hanleryo explica que o Enem tem cobrado dos alunos várias disciplinas em uma questão. “Estamos estimulando os estudantes a interpretar questões interdisciplinares”, declara. Além do modelo de aula temáticas, também serão realizados no projeto Juventude Enem aulões mensais, simulados, aulas específicas, teleaulas e podcasts de até cinco minutos.

“Nosso objetivo é preparar os estudantes de Aparecida, que não têm condições de pagar por um cursinho particular, para a realização das provas Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Desta forma, com as aulas gratuitas, eles se sentirão mais aptos para disputar uma vaga em universidade”, sublinhou o secretário de Juventude.

A estudante Jordana Santos de Menezes, moradora do Setor Real Conquista, aprova o projeto da Prefeitura de promover aulas preparatórias. “É importante porque nem todos tem condições de pagar um cursinho e investir dinheiro em aulas para fazer o Enem. Esse tipo de aula é o que nos possibilita de entrar na faculdade”, afirma.

Ministraram aulas neste sábado os professores de Literatura Luciano Curinga; João Macedo, de Física; e Fábio Sabassa, de Geografia. Fonte: Josiane Coutinho

Related Articles