Nacional

Bolsonaro volta a negar ditadura e diz que regime viveu ‘probleminhas’

Segundo o presidente, período serviu como obstáculo para que o Brasil não seguisse para o socialismo

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) disse em entrevista ao jornalista José Luiz Datena, na TV Bandeirantes, que não houve ditadura no Brasil e que é preciso “conhecer a verdade”.

“Temos de conhecer a verdade. Regime nenhum é uma maravilha. E onde você viu uma ditadura entregar o governo de forma pacífica? Então não houve ditadura”.

O presidente disse ainda que o governo militar “teve alguns probleminhas”, mas serviu como obstáculo para que o Brasil não seguisse para o socialismo.

Na última segunda-feira, o porta-voz da Presidência, general Otávio Rêgo Barros, afirmou que Bolsonaro determinou ao Ministério da Defesa que sejam feitas comemorações em unidades militares em referência a 31 de março de 1964, data que marca o golpe que deu início à ditadura militar no Brasil.

Nesta quarta, a juíza federal Irani Silva da Luz, da 6ª Vara Cível em Brasília, deu cinco dias de prazo para que a União e o presidente Bolsonaro se manifestem sobre ação que tenta proibir quartéis, em caráter liminar, de festejar o aniversário de 55 anos do golpe militar. (FOLHAPRESS)

Related Articles