Goiânia

Prefeitura reforça limpeza para evitar danos causados pela chuva

Ação é executada pela Comurg e inclui limpeza dos córregos, poda e retirada de árvores, remoção de entulhos, capina, limpeza das sarjetas e coleta de lixo

A Prefeitura de Goiânia está realizando uma série de serviços nas áreas públicas com objetivo de reduzir o impacto das chuvas que se aproximam. Os serviços executados pela Companhia de Urbanização (Comurg) incluem limpeza dos córregos, poda e retirada de árvores, remoção de entulhos, capina, limpeza das sarjetas e coleta de lixo. As atividades fazem parte do cronograma diário da Companhia, porém são intensificadas neste período. O acondicionamento correto dos resíduos é essencial para evitar problemas como entupimento de galerias e, consequentemente, alagamentos.

Lixo doméstico
O lixo é a principal causa de entupimento dos bueiros e impede o escoamento das águas pluviais. Segundo o presidente da Comurg, Aristóteles de Paula, a Companhia mantém a coleta de lixo em dia, porém a comunidade precisa se atentar ao dia e horário em que o caminhão coletor passa em seu bairro para colocar o saco de lixo bem amarrado na lixeira suspensa, evitando, assim, que os resíduos se espalhem pelas vias. Também é importante separar o orgânico do reciclável. “Nos dias chuvosos, principalmente com aquelas chuvas mais fortes, os sacos são carregados pela água e ficam parados nos bueiros”, ressalta.

A coleta de lixo doméstico em Goiânia é dividida nos períodos diurno e noturno e segue um cronograma para cada bairro. A coleta é feita em todo o perímetro urbano três vezes por semana e na região central todos os dias. Para saber mais informações sobre os dias e horários, o cidadão pode entrar em contato por meio dos telefones 3524 – 8555 ou WhastApp 98596-8555.

Limpeza de córregos
Outra ação da Companhia é a limpeza de córregos. Nesta semana, os trabalhos estão concentrados nos córregos Capim Puba, no setor Marechal Rondon, Vaca Brava e no Cascavel, na Vila Americano do Brasil. Nos próximos dias as equipes serão direcionadas para o córrego Anicuns, na Vila São José. Goiânia possui cerca de 30 leitos fluviais, com cerca de 70 km, localizados em áreas urbanas.

Assim como a coleta, a limpeza de córregos também faz parte do cronograma diário. Segundo levantamento da equipe operacional da Comurg, todos os córregos já receberam equipes de limpeza neste ano, alguns até três vezes. O entulho retirado dos córregos representa uma média de 15% do montante retirado em toda cidade. Atualmente o órgão recolhe uma média de 62 mil toneladas de entulhos das vias e áreas públicas.

Poda e retirada de árvores
Ação é feita em parceria com a Agência Municipal do Meio Ambiente (Amma). A Comurg tem feito um trabalho preventivo de poda de árvores, em especial aos Jamelões, que por conta do fruto, causam acidentes. Já com relação às espécies que apresentam doenças ou algum tipo de dano, a Amma emite um laudo técnico atestando o risco de queda da árvore. Nessas situações a Companhia faz a retirada.

Jardins de Chuva
A Comurg, junto com Secretaria Municipal de Obras e Infraestrura (Seinfra), implantou os jardins de chuva na cidade. O projeto transformou cerca de 15 rotatórias em jardins com ornamentação adequada para as várias estações do ano e com estrutura capaz de absorver a água da chuva e evitar alagamentos e enchentes nas ruas.

O trabalho da Companhia é alinhado com a Defesa Civil, que enumerou os locais com maior incidência de alagamentos, e com a Secretaria Municipal de Obras e Infraestrura (Seinfra), que promove a limpeza dos bueiros.

Hacksa Oliveira, da editoria de Urbanização
Fotos: Luciano Magalhães

Related Articles