Notícia

Inclusão social chega à escola municipal de Aparecida e crianças aprendem Língua de Sinais

Com objetivo de acompanhar as atividades de inclusão social para alunos especiais da Rede Municipal de Educação, a secretária de Assistência Social de Aparecida, Mayara Mendanha realizou na tarde de sexta-feira, 13, uma visita na Escola Municipal de Educação Integral Retiro do Bosque, para conhecer Projeto de Língua de Sinais para crianças com deficiência auditiva.

“Aparecida hoje tem a missão de garantir não só o aprendizado, mas o bem-estar e a socialização dessas crianças em unidades escolares. Esse trabalho tem sido feito de forma excepcional pelos professores, educadores e servidores”, destacou a Mayara Mendanha.

Segundo o secretário Especial do Desenvolvimento Social, Walace Dias Freitas, que acompanhou a secretária na visita, a inclusão social é de suma importância para o desenvolvimento da criança. “É um projeto muito importante para que as crianças começam a desenvolver a educação bilíngue, podendo aprender libras e língua portuguesa. E não apenas as crianças surdas, mas todas as crianças que estão no mesmo espaço de convivência”, sublinhou.

A escola, no setor Retiro do Bosque, por meio da sua equipe pedagógica incluiu a língua de sinais em sua grade escolar pensando na inclusão dos seus alunos com necessidades especiais. Com isso são realizadas aulas práticas diariamente para todas as turmas. As aulas acontecem em um período de uma hora com um professor especializado em libras.

“Para que todos tenham um aprendizado de qualidade, incluímos o ensino-aprendizagem de Libras para todas as crianças. Essa foi a forma que encontramos para promover a integração, socialização e ampliar o conhecimento”, finalizou o diretor da escola, Isaías de Sousa.

Fonte: Pabline Flaviane

Related Articles