Câmara de Senador Canedo

Julio Pina trabalha para reduzir o tempo de espera em unidades de saúde

Dentre as regras, senhas emitidas nos postos de atendimento particulares deverão informar o horário de chegada do paciente e nome do profissional de saúde que fará o atendimento.

O projeto de redução no tempo de espera em unidades particulares de saúde, apresentado na última terça-feira, 27, pelo deputado estadual Julio Pina, defende a obrigatoriedade de 30 minutos no tempo de espera, em dias úteis, e 45 minutos, nos domingos e feriados, em atendimentos previamente agendados.

O projeto de lei estabelece uma cláusula, direcionada a atendimentos de urgência, em que, o tempo de tolerância não poderá ultrapassar a 30 minutos, e deverão ser realizados imediatamente.

A proposta será analisada pelas comissões e encaminhado para o plenário da assembleia. Se aprovado, clínicas e consultórios médicos, hospitais, laboratórios e outras unidades de saúde deverão seguir regras em relação ao tempo de espera de atendimento, e prevê punições em caso de descumprimento da lei, como: pagamento de multa, proibição de propaganda da empresa e desconto de 30% na consulta, internação ou exame do paciente prejudicado.

O deputado defende a importância do paciente cobrar por seus direitos e exigir que o atendimento seja na hora correta. E justifica que, o tempo longo de espera, fere a moral do paciente, que não merece ficar esperando atendimento exposto a outras doenças.

Related Articles