Aparecida de Goiânia

Prefeito prestigia a 17ª edição do MOCCA e celebra aniversário do setor Cidade Livre

Na noite de sexta-feira, 24, o prefeito Gustavo Mendanha prestigiou o encerramento da 17ª edição do Movimento Científico e Cultural de Aparecida de Goiânia (MOCCA), realizado pela Faculdade Alfredo Nasser (Unifan). O evento é  considerado, o maior evento de extensão universitária do Centro-Oeste e oferece serviços de saúde prestados por professores e estudantes de Enfermagem, o público ainda conta com a Feira do Empreendedor, espaço para comercialização de obras artesanais, artes, iniciativas de preservação ambiental e de solidariedade ao arrecadar alimentos para serem doados à famílias em situação de vulnerabilidade do município.

Ao visitar os standes, acompanhado do deputado federal professor Alcides, o prefeito Gustavo Mendanha parabenizou o parlamentar e a instituição e ensino por terem idealizado o projeto que completa 17 anos. “O MOCCA com certeza já entrou no calendário cultura e científico de Aparecida, pois além de estimular o conhecimento da comunidade acadêmica, formada por professores e alunos, ainda oferece serviços de saúde e assistência social para toda a população. Sabemos que, embora o nosso município tenha avançado muito, ainda há muitas famílias carentes que precisam de assistência básica, por isso que considero esta ação muito importante e parabenizo seus idealizadores”, comentou o gestor municipal.

O deputado federal Professor Alcides, gestor da Unifan, destacou a importância do evento na cidade. “O MOOCA é um evento científico e cultural realizado sempre no mês de maio, em comemoração ao aniversário de Aparecida, e que oferece a população da cidade tudo o que é criado, estudado e produzido dentro da faculdade. O evento é excepcional e hoje  é referência no país”, destacou Alcides. Também prestigiaram as atividades da noite desta sexta-feira, o secretário de Meio Ambiente de Aparecida, Cláudio Everson e o vereador, Rosildo Manoel. Na manhã deste sábado, 25, a última atividade foi a realização da Caminhada Ecológica, que contou com a participação de toda a comunidade acadêmica.

A estudante de Biomedicina Dayane Freitas, explica que é muito emocionante participar da gincana entre os estudantes que tem como objetivo arrecadar alimentos. “O melhor de tudo é a disputa para saber qual turma vai ganhar e arrecadar mais produtos. Neste ano batemos nossa meta e conseguimos juntar mais de 100 toneladas de alimentos não perecíveis. E saber que toda a disputa que tivemos durante o MOCCA levará comida para a mesa dos mais carentes, nos deixa ainda mais felizes”, comentou ela.

Cidade Livre comemora 42 anos

Ainda na noite desta sexta-feira, 24, o prefeito Gustavo Mendanha e o professor Alcides participaram das festividades em comemoração aos 42 anos do setor Cidade Livre. Idealizado pela Associação de Desenvolvimento da Cidade Livre e Adjacências (ADECA), o evento ofertou para a população diversas atrações culturais e festivas durante toda a semana. Na noite de ontem foram realizadas apresentações do grupo Doideira Moto Show e de artistas musicais da região.

Na ocasião, o prefeito parabenizou os moradores que contribuírem com o desenvolvimento do bairro. “O setor Cidade Livre é um dos bairros mais conhecidos de Aparecida e, ao longo dos anos, vocês conquistaram muitos investimentos públicos do município. Parabéns a todos que moram aqui com suas famílias e que fazem parte da história da Cidade Livre”, declarou o prefeito. Para completar, o deputado Professor Alcides também parabenizou o bairro. “Conheço o setor Cidade Livre desde a sua fundação, quando neste local viviam poucas famílias. Hoje o bairro comemora 42 anos e desenvolveu muito. Desejo prosperidade a todos que moram aqui com suas famílias”, finalizou.

O bairro Cidade Livre é cortado pela Avenida Independência, que é uma das vias comerciais mais movimentadas da cidade, e conta com asfalto, escolas, Centro Municipal de Educação Infantil, centro comunitário e associação de moradores, Casa do Empreendedor, delegacia e base de atendimento da Polícia Militar. “Eu moro no Cidade Livre há quase 30 anos e aqui me casei e formei minha família. Gosto muito de viver aqui, pois encontro tudo o que preciso perto de casa e isso me traz muita comodidade. O bairro cresceu e se desenvolveu e isso foi muito bom”, disse o pedreiro José Carlos Fonseca, um dos 10 mil moradores do setor. Fonte: Rafael Freitas

Related Articles