Política

Operação Delivery: nove pessoas são presas pela Denarc

350 entregas de droga por dia

Os policiais civis da Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc), deflagrou na quinta-feira, dia 16, a “Operação Delivery”, que resultou na prisão de nove pessoas e apreensão de várias porções de drogas, como cocaína e maconha, a quantia aproximada de R$ 45 mil em dinheiro, além de sete veículos utilizados na traficância. Foram ainda cumpridos sete mandados de busca e apreensão domiciliar.

Os integrantes da organização criminosa atuavam de maneira organizada. Eles utilizavam seus veículos, cadastrados como motoristas de aplicativo, a fim de realizar a venda de drogas sem chamar atenção. Alguns atuavam juntamente com suas companheiras, que também foram presas. Os traficantes passavam a droga comprada no cartão de crédito. A máquina utilizada foi aprendida.

O esquema de comercialização do entorpecente funcionava por meio do sistema “delivery”. Os entregadores chegavam a fazer cerca de 350 entregas de droga por dia. Aqueles que vendiam maior quantidade de drogas conseguiam até mesmo ascensão dentro da organização criminosa.

Hubert Cassio Guerra, um dos presos e que exercia a função de gerente, recebia contatos telefônicos de usuários e repassava para os integrantes que atuavam como entregadores do entorpecente. O grupo possuía vários tipos de cocaína, denominando-as conforme a sua qualidade, como 111, 222, 333 e 444, sendo a última de melhor qualidade, denominada “escama de peixe”, vendida pelo valor de R$ 50,00 (cinquenta reais). A organização movimentava cerca de R$ 14 mil por dia com a venda das drogas.

Related Articles